Medicamentos que aceleram o funcionamento da mente indicados para doenças que afetam direta ou indiretamente o cérebro estão sendo usados como estimulantes.

O objetivo do uso é para efeitos que não constam nas bulas, como ficar aceso por mais tempo, como ter maior poder de concentração e melhorar o processo de aprendizado e memorização.

São considerados os “Viagras” do cérebro, como por exemplo, o modafinil. Indicado no tratamento de pessoas com distúrbios do sono, há quem use apenas para manter-se em vigília depois de uma noite mal dormida ou em claro. Com ele, é possível ficar acordado direto por até 60h.

Outro exemplo é o metilfenidato, recomendado para pacientes com síndrome de déficit de atenção e hiperatividade. Mais estudos compravam que o uso com estimulante aumentam o nível de dopamina, neurotransmissor responsável pela euforia e estado de alerta.

A ampaquina também tem sido testada como uma arma para potencializar a memória, porque ela modula o glutamato: substâncias que agem no sistema excitatório do cérebro. Assim, a pessoa fica com mais disposição física e mental.

Como ativam os neurotransmissores, responsáveis pela transmissão das informações entre os neurônios, tendem a ajudar no sentido de armazenar melhor as informações.

Uso que ainda causa polemica e divide opinião de especialistas. Em contrapartida existem outros medicamentos que potencializam a memória sob consenso deles.

Entre eles está o ginko biloba, uma erva chinesa que melhora a memorização e a concentração por estimular a circulação sanguinea. São remédios que melhoram a irrigação do sangue no cérebro, levando mais nutrientes.

Outro método para aumentar o poder do cérebro é estudar constantemente; o cérebro não é estática ele está em constante mudanças de acordo com as nossas ações.

Se a pessoa tem o hábito de ler, aprender novas línguas ou ainda se aventurar no mundo dos instrumentos musicais, Há estimulo de novas conexões entre os neurônios, o que melhora o desempenho do cérebro.

Não tome nenhum remédio (medicamento) sem a orientação e prescrição de um médico.

Leia também sobre…

Fatores que aumentam a resistência do corpo
Corpo imune a doenças
Alimentação para combater sintomas da gripe